Ações de cidadania para criar uma sociedade melhor

Benefícios / Governo

Cidadania é uma palavra muito utilizada em diferentes situações, mas que poucas pessoas sabem o que significa na prática. Entenda que praticar cidadania pode ajudar o motorista a ser mais legal no trânsito, contribuindo diretamente para um fluxo saudável na cidade.

Mas o que é cidadania? É o conjunto de direitos e deveres exercidos pelos cidadãos de um Estado. Eles asseguram, por exemplo, que haja segurança e bem-estar social, conceitos emprestados do campo da ética. De forma geral, praticar cidadania é fazer a sua parte para uma sociedade igualitária e funcional.

Neste conteúdo, você poderá conferir sobre algumas ações cidadãs que podem tornar o dia a dia melhor, tanto para você quanto para as pessoas ao seu redor.

Dirigir adequadamente, para fins pessoais ou profissionais

Com períodos de flutuação nos preços, a compra e financiamento de veículos novos e usados ficou mais fácil ao longo dos anos. E isso afeta diretamente a quantidade de motoristas transitando por regiões urbanas e rurais em todo o país.

Conforme o número aumenta, maior é a necessidade de que as boas práticas de trânsito sejam seguidas à risca, com o intuito de manter um fluxo urbano seguro ao cidadão. Exemplos disso são: evitar brigas em dias de congestionamento, usar corretamente sinalizações como setas e saídas de estacionamento, além de respeitar áreas de pedestres ou com pouca sinalização de trânsito.

Praticar o respeito ao próximo

Nem tudo é “mimimi’’. A famosa frase ‘’o seu direito termina onde começa o do outro’’ exemplifica muito bem como a sociedade se organiza de forma funcional, com mais pessoas integrando esse contexto.

No contexto do trânsito brasileiro, o respeito é fundamental para que o fluxo de veículos e pessoas em vias urbanas seja organizado e seguro para todos. Infelizmente, mesmo com leis, muitas pessoas ainda praticam ações que não levam em consideração o próximo, o que gera danos à prática da cidadania coletiva.

Contribuir com doações e voluntariado

Ser cidadão vai muito além de pensar apenas no seu bem-estar. Ações voluntárias são sempre bem-vindas, sendo possível ter atitudes simples no seu próprio bairro, contribuindo com a sua parte na cidadania. Distribuir refeições para pessoas em situação de rua, limpeza coletiva de calçadas e até mesmo ser mesário em eleições são exemplos de atitudes voluntárias.

No entanto, nem todos têm tempo na rotina para integrar ações de voluntariado. Nesse caso, é possível contribuir com doações, que podem ser destinadas a abrigos para animais resgatados até financiamentos coletivos na internet para causas que você acredita.

Manter a atividade eleitoral em dia

No Brasil, todas as pessoas maiores de 18 anos são obrigadas a votar em ano eleitoral. O não comparecimento nas datas oficiais e ausência de justificativa podem implicar no cancelamento do título de eleitor e na cobrança de multas.

Mas para além da obrigação por lei, o voto é uma atitude cidadã. Ele engloba um processo fundamental e coletivo que define diretamente os rumos do país de forma geral, incluindo pilares como educação, economia, segurança pública e assistência social, essenciais no bom funcionamento de uma sociedade mais justa.

Cobrar ações políticas dos profissionais eleitos

Mas só votar não é suficiente. Acompanhar de perto o trabalho dos políticos eleitos e cobrar as ações apresentadas em campanha são parte fundamental de uma atitude cidadã. A cidadania envolve reconhecer e praticar seus direitos e deveres, não apenas esperar que ela seja feita da parte de outros.

Uma sociedade melhor é feita em conjunto, por mais que os poderes estatais tenham mais autonomia de realizar mudanças de maior impacto, pequenas ações diárias fazem a diferença, e devem ser a base da educação e rotina de cada pessoa.

Gostou do artigo? Aproveite o espaço abaixo e compartilhe a sua opinião com os leitores do nosso blog!