Investimento

É possível participar de leilões usando fundos de investimentos?

Benefícios / Governo Casa Diversos Tecnologia

Muitos buscam ganhar rendimento e melhor rentabilidade através da participação em leilões, porém você entende o que exatamente é o processo de um leilão? Antes de participar de um, é essencial saber o que exatamente ele é e algumas dicas para que o participante possa se dar bem no processo. Porém uma grande questão de muitos que participam de leilões é a possibilidade de participar deles usando fundos de investimentos, afinal, é algo possível?

O que são leilões?

Leilões se iniciaram há muito tempo, em 1556 de forma mais exata, assim fazendo a profissão de meirinho leiloeiro. Ele é uma forma muito antiga de compra e venda onde quase nenhuma regra mudou desde sua criação. De forma geral, podemos definir um leilão como um mecanismo de venda pública onde várias pessoas interessadas podem participar para adquirir um bem de seu interesse.

Ele é considerado uma venda pública, pois qualquer pessoa pode participar do processo, contanto que ela respeite certas regras.

Hoje em dia, podemos encontrar leilões feitos online e offline, de maneira presencial e tradicional, porém ambos funcionam da mesma forma. Aquele que oferecer um lance maior financeiro, a partir de um lote do leilão ou a partir do preço mínimo estabelecido sobre o bem leiloado, pode vencer a compra do bem de interesse. No mundo dos leilões, é dito que uma pessoa arrematou essa venda ou bem.

A única grande diferença entre leilões presenciais e leilões online é que o participante já pode oferecer seus lances antes da data inicial do leilão, ou seja, há como deixar um lance pré-feito antes do início real de um leilão online. Para isso, basta ir no site da gestora e cadastrar o lance como ‘automático’, assim o sistema irá automaticamente lançar ele quando o leilão se iniciar de verdade.

Mesmo assim, é importante continuar a acompanhar o leilão no dia e hora marcada para ter certeza que os bens podem ser adquiridos.

O que é fundo de investimento?

Muitos não entendem o que são os fundos de investimento, porém é muito benéfico aprender do que se trata isso. Um fundo de investimento se trata de uma comunhão financeira coletiva, ou seja, com várias pessoas oferecendo uma reunião de seus recursos.

Existem diversos tipos diferentes de fundo de investimentos, como o Internacional, o de multimercado, de ouro e, claro, o de imóveis. Devemos notar que esse fundo de investimento deve ser aberto apenas com uma empresa de confiança. As cotas são valores determinados por aquilo aplicado no patrimônio do fundo.

O que são os fundos de investimentos imobiliários?

No caso dos fundos de investimentos em imóveis, podemos dizer que ele é uma reunião de recursos voltada para casas e propriedades. Ele é abreviado como FII (Fundo de Investimento Imobiliário) e é encontrado sendo repartido em cotas que contam como parcelas do patrimônio obtido assim como a maioria dos outros tipos de fundos de investimento.

Essas cotas ficam disponíveis para ações na bolsa. Quando alguém adquire uma conta de fundo imobiliário, ela está obtendo uma pequena parcela de um imóvel.

É possível participar de leilões usando fundos de investimentos?

Há como investir na maioria dos fundos existentes no mercado dentro da participação de leilões, tendo em vista que há uma série de categorias de itens que leilões podem oferecer, inclusive imóveis sendo um dos itens mais comuns. Muitos se questionam como esse processo funciona e pode parecer complicado, porém é um processo que vale a pena aprender para obter imóveis a um melhor preço.

Como participar de leilões usando fundos de investimentos?

Para participar de leilões usando fundos de investimentos é preciso aplicar recursos nesse fundo. Além disso, vale citar que existem os chamados fundos de captação onde o principal objetivo é seu uso em leilões para que a compra de imóveis seja feita.

Para poder participar desses leilões usando seus fundos de investimento, é preciso que o cotista faça uma aplicação inicial e também ao longo da existência desse fundo.

Quando o fundo for finalizado, o cotista pode receber uma boa parte dos resultados por conta das cotas aplicadas ao patrimônio do fundo. Mesmo que essa forma de participar de um leilão pareça ser complicada, é uma boa forma de obter imóveis por uma melhor rentabilidade do que os encontrados no mercado imobiliário.

A compra de imóveis feita por meio de leilões é uma das categorias mais populares de leilão, por isso existem regras rígidas que devem ser estudadas antes de cada leilão. Lembre-se sempre de ler o edital para que não haja dúvidas durante o processo.

Sem falar que, por conta de sua popularidade, existe um ótimo sistema jurídico capaz de ajudar os cotistas em caso de fraude ou dúvidas. Quando uma pessoa aposta em investir, é ideal que ela busque uma empresa de confiança para abrir seu fundo de investimento.