Como financiar um veículo para a empresa?

Finanças

Comprar um carro em nome da empresa pode ser uma boa alternativa para conseguir um financiamento com melhores taxas e descontos. Essa é uma forma que muitos empreendedores e MEIs estão buscando para ter um automóvel que os atendam no dia a dia de trabalho.

Se você tem dúvidas sobre como funciona esse processo e quais são suas vantagens, explicaremos tudo neste artigo. O financiamento de veículo é uma opção para empreendedores que queiram montar uma frota de veículos ou mesmo que precisem de um veículo para trabalhar diariamente.

Como funciona o financiamento de carro em nome da empresa?

O processo de financiamento de um veículo em nome da empresa é semelhante ao de uma venda para uma pessoa física. Isso indica que a documentação é quase a mesma, sendo necessário apresentar o CNPJ e o contrato social da empresa, documentos pessoais dos sócios e comprovante de crédito ou renda.

Em alguns casos, também é preciso apresentar um histórico anual das finanças da empresa. Assim, a concessionária pode avaliar a capacidade financeira do negócio. Outro ponto importante relacionado ao MEI é que o valor do veículo precisa ser compatível com o seu faturamento, que não pode ultrapassar R$ 81 mil por ano.

Muitas concessionárias também levam em conta o tempo de existência da empresa para liberar o financiamento. Geralmente, o mínimo pedido é de 2 anos. Logo, quanto mais antigo for o CNPJ do negócio, maior serão as chances de ter o financiamento aprovado.

Quais cuidados tomar ao realizar o financiamento?

É preciso se atentar às regras do financiamento e tomar alguns cuidados no dia a dia para evitar prejuízos com o veículo e o atraso do financiamento.

O primeiro ponto é em relação a multas do veículo. Quem financia em nome da empresa vincula seu CNPJ ao veículo. Isso significa que as multas recebidas serão anotadas no CNPJ da empresa e, em caso de atraso no pagamento, a companhia ficará com uma dívida no Detran.

Um ponto importante de se checar na depreciação é notar se a montadora impõe um período para que o carro fique em nome da empresa. Isso acontece porque muitas pessoas fazem isso para aproveitar as vantagens da negociação e depois acabam passando o carro para seu próprio nome (pessoa física).

É importante lembrar também que um carro é um bem declarável no imposto de renda e isso também vale para empresas. Então, é preciso comunicar a compra e venda de veículos em nome do negócio na declaração.

Por fim, um ponto fundamental a se considerar diz respeito a impostos referentes ao veículo. As taxas de licenciamento anual, IPVA e DPVAT do veículo ficam sob responsabilidade da empresa. Em caso de não pagamento, a empresa pode sofrer dificuldades para obter crédito e realizar outras operações financeiras.

Quais as vantagens de realizar um financiamento de veículos em nome da empresa?

A principal vantagem de financiar um veículo em nome da empresa é o desconto na compra. A maioria das montadoras e revendedoras de veículos oferecem preços bem mais vantajosos, principalmente em casos da compra de frotas de veículos.

Então, se a empresa precisa comprar três carros, por exemplo, é possível negociar um desconto generoso no valor total do financiamento. Segundo dados da revista Auto Esporte, os descontos variam entre 5% e 27%, dependendo do número de veículos comprados.

Como vemos no texto do site, o financiamento de veículo para empresas é bastante semelhante a um financiamento para pessoa física. Esse tipo de operação se torna mais vantajoso para empresas que precisam montar uma frota de automóveis. O mais importante é avaliar as condições do financiamento para saber se vale a pena.