A Microfisioterapia e seus benefícios

Saúde

A Fisioterapia é uma ciência da medicina tradicional que diagnostica, previne e trata lesões relacionadas as partes do corpo. Muito comum, e utilizada amplamente, em hospitais e clínicas em toda a parte do mundo. Mas, você já ouviu falar no método utilizado pela Microfisioterapia?

Através desse artigo, vamos conhecer esse método alternativo, utilizado em conjunto, com o tratamento tradicional, por alguns profissionais de Fisioterapia referente a essa área específica da Medicina.

Não deixe de ler e descobrir os benefícios e melhoras que essa ciência tem trazido a muitos pacientes que recorrem a ela.

Vamos lá? Boa leitura!

O que é Microfisioterapia?

A microfisioterapia é uma vertente da Fisioterapia, que utiliza apenas o toque das mãos com movimentos suaves e específicos para cada tipo de lesão.

Segundo os criadores da técnica médica, os fisioterapeutas franceses Daniel Grosjean e Patrice Benini, o tratamento é muito eficaz em encontrar e curar ferimentos e traumas de fundo físico e emocional.

É uma ciência praticada unicamente por profissionais formados em Fisioterapia. Portanto, não é um tratamento informal ou relacionado ao espiritual, mesmo que seja usado como complemento do tratamento tradicional.

Qual o método utilizado?

Como em qualquer tratamento médico, é primeiramente perguntado ao paciente os sintomas apresentados e os incômodos relacionados a estas queixas.

Com o paciente deitado e relaxado, começa-se o exame através de toques em partes do corpo do paciente.

Estas apalpações são necessárias para descobrir os pontos de lesões pelas mãos do fisioterapeuta, através da ausência dessas ondas vibracionais.

Entendendo o processo: diagnóstico e cura

O corpo humano é composto de tecidos, músculos, nervos, ossos e etc. Mas, o corpo também conta com energias (vibrações) e memórias residuais.

Assim como, quando levamos um tombo e nos ferimos, por exemplo, embora exista a regeneração da pele, muitas vezes apresentamos cicatrizes que permanecem ali.  Essa pequena imperfeição será a lembrança do acidente outrora ocorrido.

Seguindo essa lógica, nosso tecido epitelial também guarda essas marcas e lembranças, mas que estão invisíveis a olho nu por estarem sob a pele. Porém, o microfisioterapeuta é profissional qualificado para reconhecer essas marcas.

O fisioterapeuta, através de toques sutis e imposição de ambas as mãos, consegue sentir a localização dessas cicatrizes e também o local dos sintomas por meio da ausência (bloqueio) dessas vibrações.

Inclusive, é possível, até mesmo dar uma data aproximada do trauma ocorrido. Assim, ativando a memória do evento nocivo e a sua recuperação, ou seja, acura do trauma.

Neste tipo de tratamento, não é receitado medicamentos e também não é necessário o uso de nenhum equipamento tecnológico.

Apenas o toque ou o posicionamento das mãos do fisioterapeuta são utilizados para esses diagnósticos e a regeneração do trauma.

Para qual tipo de doenças é recomendado o tratamento?

É uma especialidade bastante abrangente, envolvendo inúmeras patologias.

No campo físico: dores musculares, doenças crônicas, doenças autoimunes, alergias alimentares, alergias respiratórias, problemas hormonais, doenças relacionadas aos órgãos internos e externos, dependências químicas, torções e lesões, enxaquecas, dificuldades para engravidar, paralisias faciais, entre tantas outras variedades de doenças.

No campo emocional: fobias, depressão, ansiedade, pesadelos recorrentes, distúrbios do sono, insônia, ciúmes exagerados, carências, depressão pós parto, processos de luto, transtornos obsessivos, transtornos compulsivos, apegos exagerados, medo de perdas, processos de pânicos, controle da raiva, traumas relacionados a abusos sexuais, físicos ou emocionais, distúrbios alimentares, bulling, gravidez psicológica, auto aceitação e muitos outros problemas relacionados dentro deste campo.

Quem pode fazer uso do tratamento?

Por não ter contraindicações, pode ser aplicado em pessoas de qualquer faixa etária, inclusive em bebês e idosos.

A microfisioterapia veterinária pode ser um grande aliado ao tratamento veterinário tradicional, ajudando na descoberta das causas e sintomas de doenças em animais, auxiliando assim, na cura de problemas físicos e emocionais.

Duração do tratamento e reações adversas

A sessão do atendimento é feita em menos de uma hora e a duração do tratamento entre uma a três sessões. Dependendo, é claro, da patologia tratada.

Após a sessão do tratamento é recomendado alguns dias de descanso.

Neste período, o paciente pode ficar bastante cansado, sentir náuseas, ter dores de barriga, alterações de comportamento e até mesmo dor ou febre.

Afinal, não podemos esquecer que o tratamento é baseado na energia vibracional do paciente. Vibração esta, que não está fluindo livremente pelo corpo dele.


Agora, você está bem informado sobre o uso da microfisioterapia!

Com este artigo do nosso blog, esperamos ter elucidado algumas dúvidas sobre a utilização da microfisioterapia e seus benefícios.

Toda e qualquer informação de tratamentos médicos são de extrema importância nesses tempos de pandemia, onde muitas pessoas estão passando por problemas de saúde física e/ou mental.