Sistemas Hidráulicos e a Necessidade da Filtragem de Fluidos

Casa Tecnologia

Um sistema hidráulico é uma rede complexa de válvulas, mangueiras, componentes e tubulações, normalmente encontrado em máquinas hidráulicas que atuam de maneira diária em indústrias e usinas.

Vale ressaltar que os sistemas hidráulicos podem ser bastante diversos em sua operação, mas o princípio básico permanece o mesmo – eles utilizam fluidos não compressíveis para gerar força. 

Além disso, os sistemas hidráulicos são usados ​​em aplicações que exigem elevar enormes quantidades de pesos, no mecanismo de direção dos veículos ou em outras aplicações que requerem energia concentrada.

As causas da falha de componentes hidráulicos

Um sistema hidráulico é um sistema mecânico. Por isso, é propenso a desgaste ao longo do tempo. 

Existem componentes, como a vedação e as molas, que se perdem ou são danificados devido à falta de filtragem e vazamentos.

A contaminação por fluidos é a principal causa e é responsável por 75% dos casos de falha do sistema hidráulico. Portanto, é preciso muita atenção em relação a esse ponto.

Evitando o mau funcionamento do sistema

A seleção do fluido certo para uso na hidráulica também desempenha um papel muito importante. Existem várias opções disponíveis no mercado e, por isso, a escolha depende da sua aplicação. 

É recomendável consultar o manual de fabricação do seu equipamento para selecionar o fluido apropriado. Normalmente, os fluidos hidráulicos à base de petróleo são considerados padrão para a maioria das aplicações. 

Glicóis de água, emulsões de óleo de água e fluidos hidráulicos sintéticos são usados ​​quando há um requisito para um fluido resistente ao fogo.

Como os contaminantes entram no sistema

Mesmo quando você selecione o fluido certo, por mais limpo e puro que seja, ele ainda é propenso a contaminação devido ao uso. 

Isso porque existem várias maneiras pelas quais um contaminante pode entrar em um sistema. Por exemplo:

A contaminação vem do ambiente externo. A sujeira pode entrar através de vedações quebradas, tampas de respiro no tanque do reservatório e hastes do cilindro gastas. 

O fluido hidráulico pode ser um pouco impuro logo no início. Contaminação interna de limalhas de metal, pequenas rebarbas, areia, pedaços de fita de Teflon e outros contaminantes que geralmente vêm com sistemas recém-fabricados. 

A água pode entrar no sistema à medida que o sistema quente esfria à noite e o ar se condensa. Ácidos, lodo e oxidação causam ferrugem que afeta o lubrificante.

Manutenção do sistema hidráulico

É necessário um filtro hidráulico para limpar o sistema dessas impurezas. Isso garante durações de serviço mais longas e um funcionamento otimizado do sistema. 

Quando chegar a hora, os filtros precisam ser substituídos com base em horas ou quilômetros de uso, normalmente especificados pelo fabricante do equipamento; no entanto, alguns filtros hidráulicos possuem pressostatos diferenciais que indicam quando é hora de fazer a manutenção dos filtros hidráulicos. 

É recomendável seguir os intervalos de serviço especificados nas diretrizes do manual do fabricante para garantir o mais alto nível de proteção do sistema.

Diferentes tipos de filtros hidráulicos disponíveis

No mercado, há vários tipos de filtros hidráulicos, que variam dependendo da cabeça do filtro e da aplicação em que serão colocados. 

Eles estão disponíveis em várias categorias, como tipos de linha de pressão, linha de retorno, parte superior do tanque e spin-on tradicional. 

Para escolher o mais adequado é importante fazer pesquisas e entrar em contato com os fabricantes para que possam lhe auxiliar.